A placa aural em equinos

Apesar de prejudicar a estética do animal, na maioria dos casos as placas aurais não prejudicam a saúde dele

Cavalos - imagem meramente ilustrativa

Cavalos possuem diversas funções e, além do trabalho, também podem ser utilizados para competições. Chama a atenção pela aparência exuberante: pelo brilhante, elegância no passo e no salto, crina e rabo com pelos macios e corpo atlético são características extremamente desejáveis. Porém, alguns problemas podem acabar prejudicando a estética do animal.

Lúcia Viggiano, professora do Curso CPT Provas Equestres de Velocidade, ressalta que em competições e eventos de exibição a estética do animal é um dos fatores fundamentais, o que faz com que criadores devam dar atenção ao aspecto físico do animal, sem deixar de lado a saúde.

Os pavilhões auriculares do animal, ou orelhas, podem sofrer com a placa de ouvido, também conhecida como placa aural. Esse problema é muito comum nos equinos e é caracterizado pela formação de crostas brancas dentro do ouvido desses animais. Também podem surgir em outras partes do corpo, mas com incidência bem menor.

Pode afetar tanto uma quanto as duas orelhas, sendo mais recorrente o seu surgimento no verão. Em grande parte dos casos, esse problema não prejudica a saúde do animal, apenas a estética. Acredita-se que essas placas também não provoquem dor, apenas aumentem a sensibilidade no local onde estão instaladas.

Apesar de não ser tão nociva, é preciso estar atento pois ela pode evoluir para uma otite, que causa dor e desconforto. Mas, fique atento! Ao observar que o animal possui placas aurais e sente dor, é fundamental que um veterinário o examine.

Tratando a placa aural

- Ao notar a placa

Ao perceber a presença dessa placa no animal, não tente removê-la. O animal precisará passar por um exame para a confirmação se se trata de placa aural ou não. O médico veterinário poderá prescrever algum creme ou poderá, também, sedar o animal e raspá-la. Não passe nenhum creme no ouvido do animal sem a recomendação do veterinário.

- Desconforto nos ouvidos

Como dito, geralmente as placas não causam dor ao animal, apenas prejudicam a estética. Por conta disso, muitos veterinários acabam sugerindo que não se faça tratamento delas. Evite tocar ou manusear o ouvido do animal, pois isso pode aumentar a sensibilidade do animal e deixá-lo tímido.

- Moscas

Evite sempre as moscas! Elas podem infectar o animal e depositar ovos nas placas, o que faz com que elas se tornem um problema. Utilize sprays para eliminar as moscas ou uma máscara para orelhas nos animais. Pela manhã e quando anoitece, as moscas estão mais ativas, logo, procure manter o animal longe delas principalmente nesses períodos. Picadas nas regiões afetadas pelas placas podem transformá-las em algo incômodo e doloroso.

- Raspagem

Uma das formas de eliminar as placas é através da raspagem, como mencionado acima. É importante conversar com um veterinário sobre a necessidade de removê-las. Porém, vale ressaltar que você nunca deve tentar a remoção por conta própria, somente com orientação de um veterinário ou feita por ele mesmo.

 


Conheça os Cursos CPT da Área Criação de Cavalos:

Provas Equestres de Velocidade
Enquanto o Veterinário não Chega – Atendimento a Equinos
Como Montar e Manejar um Centro Hípico – Modalidades, Instalações, Manejo Sanitário e Primeiros Socorros

Fontes: Revista Veterinária – revistaveterinaria.com.br
WikiHow – pt.wikihow.com
por Renato Rodrigues

Renato Rodrigues 06-01-2020

Deixe um Comentário

Comentários

Não há comentários para esta matéria.